Hugo Calderano cai para 8º no Ranking Mundial do Tênis de Mesa

Hugo Calderano - Brasil - 8º Ranking Mundial
A edição de maio do ranking mundial de Tênis de Mesa foi divulgado pela ITTF, entidade que regula o esporte, refletindo os acontecimentos do Mundial de Budapeste, encerrado no último domingo. O principal nome brasileiro na modalidade, Hugo Calderano, desceu um degrau após a eliminação nas oitavas-de-final, mas segue firme no TOP 10, com a 8ª colocação.

Outros brasileiros no Top 100 registraram melhoras em comparação com a lista de abril: Gustavo Tsuboi foi do 40º ao 37º lugar; Eric Jouti atingiu sua melhor marca ao progredir da 74º à 67º colocação; Thiago Monteiro escalou 20 posições e é o atual 71º melhor do mundo; já Victor Ishiy caiu 5 posições e é o novo 131º do mundo.

Entre as mulheres, Bruna Takahashi segue sendo a melhor brasileira na lista publicada pela ITTF, em 69º lugar, mesmo com a queda de cinco posições. Lin Gui não sofreu alterações em seu ranking e é a 99º melhor do mundo. Completando os brasileiros no top200 de simples, Jessica Yamada saltou 31 posições para atingir a 160ª colocação, sua melhor marca.

No masculino, o destaque foi a ascensão do tricampeão mundial Ma Long ao quinto lugar, um salto de 6 colocações. Outros três chineses continuam a sua frente: o número 1 segue com Fan Zhendong, eliminado ainda nas oitavas na competição disputada na Hungria. Quadrifinalista, Lin Gaoyuan, ultrapassou Xu Xin e assumiu a vice-liderança, sua melhor classificação. O intruso no top5 é o japonês Tomokazu Harimoto. O prodígio de 15 anos permanece como o quarto melhor do mundo. 

Semifinalista no mundial, Liang Jingun, que começou o ano em 20º lugar, subiu 3 colocações e é o novo 6º melhor do mundo, a frente de Timo Boll (GER), melhor não-asiático, logo a frente de Calderano. Entre as surpresas do mundial, o vice-campeão Mattias Falck (SWE) atingiu um recorde pessoal ao sair do 16º para o 11º lugar; enquanto An Jaehyun (KOR), medalha de bronze, estreou no top100, ao ganhar 64 posições e ser o novo 73º colocado.

No ranking feminino, Ding Ning permanece na liderança após o bronze conquistado. Vice-campeã mundial, Chen Meng é a nova vice-líder, enquanto Wang Manyu subiu da 4ª para a 3ª posição após atingir às semifinais do torneio. A campeã Zhu Yuling também subiu um passo, indo para a 4ª colocação.Todas ganharam terreno com a queda de três posições de Zhu Yuling que não foi convocada para a seleção chinesa de simples após a seletiva nacional em março. Ishikawa Kasumi segue sendo a "melhor não-chinesa". A japonesa permanece na 6ª colocação, logo à frente da compatriota Ito Mima.

No ranking individual masculino de duplas, Eric Jouti é o 35º colocado, Vitor Ishiy, 49º e Gustavo Tsuboi 93º; Thiago Monteiro (119º) e Hugo Calderano (173º) completam a presença brasileira no top200. A parceria de Ishiy e Jouti é a 19ª da temporada, enquanto a de Jouti com Tsuboi é a 50º melhor. No ranking individual de duplas femininas Lin Gui e Jessica Yamada aparecem empatadas em 111º; a parceria das duas é a 58º melhor do mundo.

Crédito: Surto Olímpico


PÁGINA INICIAL



Comentários

Arquivo

Mostrar mais