Hugo Calderano retorna aos treinos de forma moderada na Alemanha

Calderano ainda segue na fisioterapia e trabalha com a equipe para buscar a recuperação plena da inflamação na região lombar.

Hugo Calderano retornando aos treinos - Foto: Twitter

Depois do susto, o dia a dia da recuperação. Acostumado a trabalhar em intensidade máxima durante toda a temporada, o brasileiro Hugo Calderano segue o trabalho de recuperação de uma inflamação no músculo psoas, na região lombar. Mas as notícias são positivas: o mesa-tenista retornou aos treinos, de forma moderada, na última quarta-feira (15), em Ochsenhausen, na Alemanha, onde mora e atua no clube da cidade.

Hugo sentiu o problema muscular nas partidas decisivas da Copa da Alemanha, no início de janeiro. Desde então, o brasileiro começou o tratamento, com repouso e trabalhos de fisioterapia. A prioridade não é a volta rápida e sim, a plena recuperação em um ano marcado pelos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Após a notícia da lesão, a equipe técnica da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM) vem monitorando a recuperação do atleta. Até o momento, a avaliação de todos os profissionais que trabalham com Calderano é boa.

— Hugo Calderano (@hugocalderano) January 16, 2020

“A prioridade agora é recuperar e cuidar da saúde dele. Trabalhando passo a passo. Na próxima semana, esperamos uma intensidade maior”, explica o técnico Jean-René Mounie, que trabalha diretamente com atleta e é consultor técnico da CBTM.

O primeiro desafio internacional da temporada 2020 é o Aberto Platinum da Alemanha, na cidade de Magdeburg. A disputa da chave principal começa no dia 30 de janeiro. A expectativa pela participação do atleta é positiva, mas a avaliação sobre sua presença só será fechada na data limite de confirmação no torneio.

Crédito: olimpíada todo dia

PÁGINA INICIAL


Comentários

Total de visualizações da página

eBook

Tênis de Mesa Gran São João

Postagens mais visitadas dos últimos 30 dias

Luiza Dalfré do Gran São João na Liga Nipo Brasileira de Tênis de Mesa

Tênis de Mesa Limeira